segunda-feira, 9 de dezembro de 2013

Não me abandonem! :/

Oi gente... Gostaria de pedir para que não me abandonem, estou sem net, gostaria muito de postar para vocês.
Vou trocar de net e talvez demore um pouco para que eu poste, tenho varios caps prontos e quando eu voltar a postar, vou postar 2 por dia.
Não me abandonem...
Mille (I Need You)

sábado, 14 de setembro de 2013

Hi Bitches totosas!

Olá eróticas minhas... Passando pra avisar que logo logo postarei I NEED YOU.... Eeeeeeeh!
Tenham so um pouquinho de paciência oks?!
Há gente eu to comecando a fazer uma NOVA FANFIC hehehe vai ser criminal tbm... lol vou dar o meu melhor nela.
Ei gostaram da hill? A nova.moderadora que esta postando uma fic aqui?! *----*
Ah eu estou amando os comentários de vcs!!!

Tchau lindas, bjs!

By:Mires

Xoxo

quarta-feira, 11 de setembro de 2013

We can't stop the love (cap.2) "Como? Meu pai disse sim???"


                          
                          P.O.V  Taylor

            
                Ai meu Deus,eu estava louca pra dizer que sim,mas eu tinha medo de meter o Justin em confusão com meu pai,eu já sabia o quanto ele era ciumento e que no final o Jus poderia se machucar....O que eu digo agora??

                     -Sr. Justin,muito obrigada pela dança,mas é melhor pararmos por aqui,meu pai é um tipo de
      pessoa difícil de lidar,não quero te meter em encrenca. Mas...muito obrigada pela dança...

           Virei e fui saindo me forçando a não olhar para trás... Imagino o quanto ele não deve ter ficado arrasado. Aff! Tudo por causa do meu pai! Quando já estava morrendo de raiva,escuto uma voz de longe...
             
                   -TAYLOR! Espere! Me dê uma chance! Qual é? deixe as formalidades de lado... Me deixa te  conhecer,Por favor?

                   - Aiiin garoto! Tudo bem,tudo bem! Eu te dou uma chance...Mas para de dar vexame e falar  assim na frente de todos!-Então eu pensei em uma coisa para livrar a cara dele- Mas...pra eu te dar uma chance você vai ter que pedir ao meu pai pra sair comigo...
                 

                   - Ok,eu peço!-Ele falou e minha cara tipo: Oiii??? Você vai mesmo???? :o :o :o-

                   - Err...tipo...você vai mesmo??

                   -Sim vou sim,vou agora! E qual o problema??

                   - Errr...Nenhum...é.. Ahh,vai logo!

             Meu pai estava conversando com umas pessoas que pelo visto eram muito importantes quando Justin se aproximou e a ação do meu pai foi um tanto quanto surpreendente....


                     -Scott!!
     
                     -Ahhh Justin! Meu amigo!! Como andam os negócios? E sua mãe?

                    - Vão muito bem parceiro! E a minha mãe está ótima! Ah...antes que eu esqueça, Tia Andrea minha mãe mandou um beijo! - Disse ele olhando pra minha mãe-

                    -Ah...Já vi que conheceu minha filha.

                   - Sim Scott , é sobre ela que eu vim falar. Eu queria pedir a vocês dois a permissão para levar a Taylor pra passear.


                     - Claro meu amigo! Seria um prazer pra mim ver a Taylor saindo de casa e relaxando um pouco,Mas eu estou de olho em você viu Bieber?? Cuidado com a minha princesa! hahahahaha estou brincando!

                     - Hahahaha! Engraçado...você e suas brincadeiras assustadoras

                Eu ainda não acreditava na reação do meu pai! Como isso aconteceu?? Meu Deus!! Eu ia mesmo sair com o Jus e meu pai estava sabendo! Ok...Respira,Respira!
 


                                                                                                                      [...]




                 O Justin passou o resto da festa ao meu lado. Ele me observava e a cada 10 minutos ele dizia que eu estava linda hahahahaha! Me sentia até um pouco constrangida. Quando a festa acabou acompanhei Justin até seu carro. Já lá na sua vaga nós começamos a conversar novamente...


                     -A que horas eu posso te pegar amanhã?


                    - O que você esta pensando para amanhã?

                  
                    -  Não sei...Que tal um passeio no parque? Ai depois podemos tomar um sorvete e conversar...

                   - Hum...parece ótimo pra mim! Me pegue ás duas

                   -Ok...mas,eu posso ganhar um beijo?

                   - Justin,não adianta as coisas hahaha!

                   -Ok...mas nem um beijo na bochecha?-disse ele com cara fofa-

                   - kkkk Tá! Um beijinho na bochecha

              Quando eu fui dar um beijo na bochecha dele ele virou o rosto e juntou nossos lábios numa química tão forte que era quase impossível de parar! Nossa! Que beijo bom!! Ele beijava tão bem,mas tão bem,que  me deixava sem fôlego . Interrompi com dois selinhos e fui embora


                                                   P.O.V Justin
            

                  Nossa! Que menina perfeita! o Beijo dela era muuuiito bom! Parecia um veneno! Algo viciante! Fiquei ali no carro alguns minutos pensando e tentando conter meu amigo que estava querendo acordar e pensando em algo para diverti-la amanhã! Nossa não podia perdê-la!


                          
                                                                                                      [...]


                 Duas  horas em ponto! Eu já estava em pé na porta dela! Mal podia esperar pra vê-la de novo! Mas será que ela desistiu?? Será que aquele beijo não importou nada??? Será que... WOW! Como,ela,estava,perfeita!!

                                        (Hill aqui! Ela tava vestida assim mas tava de oxford)

                
                    -Ahh!! A senhora velha Largou aquelas roupas de vovó! hahahaha

                   - Seu viado! kkkkkkk deixe a minha roupa!

                  - O queee??? Viado??? brigada Taylor...depois dessa eu vou embora... :'(

                  - kkkkkk para meninoo! Deixa de ser fresco! Eu sei que você não é! Vamos logo!

                  - Ta bom, ta bom! Mas você vai ter que me recompensar por isso...

                  - Ah é?  Como?

                  -Me dê mais um dos seus beijos viciantes...

                  -É só isso que você quer?-Ela disse já se aproximando-

                  -Não...eu quero bem mais,mas vamos começar devagar -Disse eu juntando nossos lábios


               Percebi que o pai dela nos olhava da janela rindo e fazendo gestos pra mim dizendo silenciosamente: Vai! Vai!! eu comecei a rir interrompendo aquele beijo maravilhoso

                -O que foi? - disse Taylor meio envergonhada

                - Não fica assim! A culpa é do seu pai kkkk

                - Anh??
   
                - Olha  para janela kkkk

          Quando ela olhou percebi que imediatamente seu rosto corou e que ela abriu a porta muito rápido e entrou dentro do carro. Acompanhei e comecei a falar
 
                - E ai,vamos no parque?

                -Siim!!! - Nossa nunca vi uma garota tão animada pra ir ao parque-

               - So let's go baby!!-Disse eu arrancando com o carro em alta velocidade

           Ela ligou o som e estava tocando "Turn up the music" começamos a cantar feito loucos gritando! ela era bem mais legal do que eu pensava! Rimos muito dentro do carro um da cara do outro até chegarmos no parque


            


                                                                                                  [...]



       


            Quando chegamos no parque ela parecia uma criança comentando que nunca havia experimentado nenhum deles e que queria ir nos mais legais e animados do parque

                 - Vamos naquele???-dizia apontando pra um- Ahhh!! e naquele??

                 -Vamos sim Taylor! Vamos em todos!

 


                                                                                               [ ... ]




                          Fomos em todos os brinquedos e paramos para tomar um sorvete.  Mas enquanto ela me falava da sua vida começou a chover! Corremos pela chuva desesperados por um lugarzinho até que achamos uma casinha pequena e entramos

               
                 -Aiii que horror to toda encharcada!

                -Pior que eu também!

                - Eu acho que vou tirar essa roupa um pouco e espremer pra secar

                -Huuuuumm...Cuidado,não esqueça que eu estou aqui e não me responsabilizo pelos meus atos...

               - A eu não tenho medo de você...até porque vc esta de roupa e quem começou a provocar fui eu

               -Eu posso resolver esse problema de eu estar de roupas- Falei já tirando a blusa e me aproximando

               -Ah pode? Então resolve e da um jeito em mim também!



 
Oiiiii Bieber queens!!
E ai gente o que vocês estão achando? Deixem sugestões pra mim aiii!! Ei vcs acham que eu já devo colocar uma parte hot agr? O jerry deve ser colocado na História?? E hahaha quanto o Jerry deve ter?? Vai ficar de acordo com a primeira que comentar! Desculpem se tiver algum errinho rsrsrsrs!  Falem como eles devem começar os parapaá,preciso de posições!!! kkkkkk

Bjustins minhas queens!! Sonhem com o Bieber gostosão! :* :*

  *Hill*
                 

quinta-feira, 5 de setembro de 2013

We can't stop the love! (Cap. 1) "Me concede essa dança?"


P.O.V Taylor
          Respira...respira! É só mais uma noite,apenas mais um dia! você faz isso 3 dias por semana! Por que  tanto nervosismo? Você é Taylor Swift!
Mas uma noite está começando,a mesma apresentação,os mesmos passos,mas...ainda continuava nervosa como se fosse a primeira vez!
                 -5 minutos pessoal!-gritou Pierre o mestra da companhia
Aquela era uma grande noite! Iamos estrear em Stratford.Boatos corriam q o tal Justin Bieber estava na cidade,ele ia resolver umas "coisas" na cidade,não via nada de mais nele,ele era apenas mais um garoto pra mim,mas,vamos admitir,ele era um gosto...Não! Isso não é pensamento de uma garota rica e refinada...
      "E entrando agora,a companhia..."
Estava na hora,os holofotes me cegaram por alguns segundos...ele estava lá me observando,perfeito de smooking:

(Hill aqui,o Jus tava assim)

P.O.V Justin
Nossa! Como ela era graciosa!Delicada,elegante e seus movimentos eram perfeitos....E que elasticidade! Na cama isso devia ser uma verdadeira contorcionista! Que gostosa ...Mas hoje não estava aqui pra isso.Estava ali para relaxar das tensões do meu trabalho...Tinha que relaxar um pouco pra poder trabalhar em silencio no outro dia,afinal em um roubo como o 
que eu ia fazer,tinha que estar de cabeça fria!



                                                               [...]
A apresentação tinha terminado,após,teriamos uma festa só para elite promovida pelo pai dela....
Ela apareceu,nossa! COMO ELA ESTAVA LINDA! O vestido dela era longo mas muito sexy! Colado e com algumas transparências.
(Hill aqui dnv,a Taylor se vestiu assim,vcs escolhem o mais bonito)

Eu olhava para ela e percebia o quanto ele era cantada,paquerada...Por mitos caras, e isso me dava uma extrema vontade de ir lá! Afinal,eu sou Justin Bieber,eu consigo tudo e todas 

que eu quiser !
Cheguei perto dela e...

P.O.V Taylor
Hahhahahaha! Ele me observava enquanto eu era paparicada por esses fofos ^^! Percebi que ele me olhava com desejo enquanto tomava uma taça de champanhe do outro lado do salão,nossa,Como ele era Sexy! chegava a ficar excitada só olhando ele de longe,me dava uma extrema vontade de ir lá e bei... Taylor! Não! Pare de pensar nisso!-dizia eu a mim mesma-Mas só de imaginar o quanto deve ser Grande e quanto prazer eu não iria sentir... Arrh! Para com isso cabeça maliciosaaa!!
Ele estava vindo em minha direção agora,trazia duas taças de champanhe,virei e fingi que não vi...

-Olá! A senhorita poderia me conceder esta dança?-Falou ele com vox sexy (Me derreti toda...)

Ouvi os murmurinhos dos outros rapazes por ter aceitado dançar com ele,mas não resisti... Entramos na pista,estava tocando "Blue moon" da Billie holiday,encaixei meu corpo no dele e começamos a dançar lentamente... E que venham as cantadas ¬¬'

-Você estava muito bonita hoje a noite!-ele disse bem baixinho no meu ouvido me fazendo arrepiar

-Obrigada,você também estava muito sex...Elegante de smooking hoje.

-Ah...já vi que você tem seu lado pervertido... 

-Hmm...e você nem imagina como....


                            -Ah...percebi que você ama provocar também. E uma pergunta,Taylor eu poderia            conhecer esse seu lado pervertido?




OIII,minhas Biebers queens! Gente eu demorei pra postar pq tô em prova,minha mãe tomou meu pc pq acha q eu tô viciada e pq acha q essa fic não faz bem para a minha imagem ¬¬...Maaaaas,eu prometo que vou postar com mais frequencia!Desculpa se o Cap ta pequeno...o proximo eu faço maior! Eu prometo...
COMENTEM PELO JERRY!Pfff sem vácuo....
bjustins Bieber queens!
*hill*

quarta-feira, 4 de setembro de 2013

We can't stop the Love! (Sinopse)

                                      TAYLOR SWIFT

Taylor Alison Swift é uma dançarina de ballet que posa de menininha do Papai,ela é filha de Scott Kingsley swift chefe da máfia que é muito rígido com sua educação e sua forma de ser. Ele queria que Taylor fizesse medicina,mas,ela tinha o grande sonho de ser bailarina,como não passou em medicina seu pai pagou uma fortuna para que ela entrasse na melhor companhia de ballet do mundo,exigindo dela sempre o melhor...Mas Taylor não é tudo o que o pai dela pensa,na verdade ela é uma menina de atitude e atirada,mas isso vocês descobrem ao longo da fic rsrsrsrsrsrs... 

                                                JUSTIN BIEBER

Justin é um cara que trabalha em silencio. Contratado para matar e comandar grandes roubos de arte,frio no seu trabalho,aquele cara que consegue o que quer. Ele se acha o gostosão,invencível e pegador,mas dentro de si ele não é nada disso,ele é muito cuidadoso e protetor com quem ele ama. O que Justin não sabe é que seu pai vive procurando Scott para vingar uma antiga divida deles,mas Scott nunca foi encontrado por ter mudado seu nome. 

A história vai desenvolver uma briga entre os pais e o que vai acontecer entre Taylor e Justin só vai piorar a situação,por mais que sejam apoiados por suas mães que são super amigas os pais vão armar uma verdadeira briga entre esse relacionamento....

   

Início:09/04/2013
Término: - 
Completa: Não 
Gênero: Romance, drama, comédia romantica,Ação
Classificação: +15
Observações: Vão ter partes hots e com mortes
Personagens Principais: Justin Drew Bieber,Taylor Alison Swift, Jeremy Bieber,Scott Kingslay Swift

 

 

Rsrsrsr não vou falar mais nada pra não estragar.... Vou assinar assim: *Hill* 

Bjustin minhas Beliebers queens :* :*


I Need You - (45° Cap) " Chegou a hora! "


POV.  Justin Bieber

     Encarava aquele idiota com deboche, ele insistia em falar com a minha garota.

     - Acho bom você saber que irei leva-la embora, não vou deixa-la com você! -falava como se eu tivesse à arrastado a força para cá. Bem tudo bem que a sequestrei daquele casamento idiota, mas, ela esta aqui por que quer agora, não estou prendendo-a.

     - Oh é mesmo, pois acho que se ela te quisesse estaria com você agora, não comigo! -disse e ri debochado.

     - Você à tomou de mim, levou-a à força do nosso casamento. 

     - Mais é um babaca mesmo, parece que não entende que ela sempre voltara para mim, ela me ama, entenda isso. 

     - Você não à merece, ela merece alguém que a faça feliz e trate-a como deve ser tratada.

     - Certamente esse alguém não é você, um gayzinho metido a besta, não sabe nem como dar prazer a uma mulher aposto. -nossa o jovem ficou exaltado e se levantou que nem uma fera vindo em cima de mim.

     - Toquei no seu ponto fraco bichinha? -disse e ri alto, confesso que aquilo estava sendo divertido. 

     Bryan socou a minha cara, e ai o negocio pegou fogo, não estava mais divertido, mas ficaria assim que quebrasse a cara desse gayzinho de merda. 

     - Filho da Puta! -murmurei. 

     Soquei sua cara varias vezes, o idiota tentou revidar, mas me curvei, dei-lhe um soco tão forte que beijou o chão, chutei seu tórax não deixando ele se levantar, chutei mais algumas vezes e o vi cuspir sangue. 

     - JUSTIN PARE!!!

POV. Megan Julie

     Quando entrei na sala e vi Justin quase espancando o Bryan, entrei em desespero. 

     - JUSTIN PARE!!! -gritei, chamando sua atenção. 

     - Anjo o que faz aqui? Não podia estar aqui! -ele disse vindo até mim. 

     Bryan se contorcia de dor no chão, sangue escorria pela sua boca, ele estava completamente ferido. Justin veio até mim, e pegou em minha mão tentando me arrastar dali. 

     - Por que fez isso? Não o faça mais, deixe-o! -pedi.

     - Ele pediu por isso, ele veio até minha própria casa e me afrontou, ele disse que iria te levar, -Justin dizia. 

     - Bebê, prometa que não me deixará nunca, só em pensar em te perder me coração aperta, -Ele dizia, sua expressão era de dor e medo. 

     - Nunca vou te deixar, eu te amo! -disse. Justin então me selou. 

     - Eu também te amo. 

     - Deixe-me falar com ele, deixe-me ver como Bryan esta!

     - Tudo bem, mas quero estar presente. 

     - Certo. 

     [...]
   
     Limpava o sangue que se encontrava no rosto de Bryan, Justin se encontrava do outro lado da sala, olhando atentamente tudo que fazíamos. 

     - Megan, venha comigo! -disse Bryan. 

     Oh Meu Deus! 

     - Bryan, eu não posso, não me peça para explicar o por quê, pois sabes muito bem, eu amo Justin tetei esquece-lo e foi doloroso, decidi dar outra chance a ele, e me dar uma chance de ser feliz, e talvez uma chance de você ser feliz também, pois, sabes que nunca gostei de ti como queria, aceitei casar contigo por obrigação e achava uma forma de agradecer por tudo que fez por mim. Mas você merece alguém que o ame de verdade como você merece. 

     - Eu te disse que não me importava em casar como você mesmo você amando o Bieber, o amor que sinto por ti é tão forte que não me importaria de não ser amado, a unica coisa que importava era que pudesse te-la ao meu lado. 

     - Mas eu me importo com isso tudo, seria doloroso para mim ser amada e não poder retribuir o seu amor. Bryan entenda que você merece uma pessoas melhor. Esse é o fim da conversa, entenderei se não quiser mais olhar em minha cara. -disse por fim, Bryan saiu irado. Pois é, assim perdi um grande amigo.

     - Já foi tarde! disse Bieber, que já estava ao meu lado. 

     - Anjo, você tem que descansar, vamos. 

POV. Justin Bieber 

     Fiquei o dia todo com a Megan, ela havia me pedido e não iria recusas isso para meu anjo. 

     As horas passaram rápido, quando dei por mim já era noite. Megan dormia tranquilamente ao meu lado. Parecia um anjo, meu anjo! Sim, o famoso Justin Bieber conhecido por pegar e não se apegar, o fodedor que comia e jogava fora, virou um completo romântico. Ela me mudou, me tornou uma pessoa melhor, mas, só consigo ser assim com ela. Ela é o meu anjo! 

    [...]

     Acordei com Megan me balançando. Oh God! 

     - O que foi? Não me diga que ta desejando meu gozo de novo?! 

     - Não é isso. 

     - Então o que é? 

     - Estourou, a bolsa estourou! -disse ela em agonia. 

     [...]

     Peguei Megan em meus braços e a coloquei dentro do carro deitada na parte traseira. Entrei no carro e dirigi até o hospital que ela havia me dado o endereço, peguei meu celular e liguei para Chaz.

     - Chaz? 

     - Fala irmão!

     - Minhas filhas vão nascer!

     - Minha nossa! 

     - Avisa a minha mãe! 

     - Certo dude! 

     Desliguei e voltei minha atenção a estrada. 

     - Justin! - Megan chamou. 

     - O que bebê? 

     - VAI MAIS RÁPIDO CARALHO! -gritou. 

     [...] 

     Ao chegar na maternidade, nem estacionei direito, tava pouco me fodendo pra isso, peguei Megan rapidamente em meu braços e logo que chegamos ela foi atendida, acho bom mesmo! 

     - Jus? 

     - Fica comigo, preciso de você na hora. 

     - Eu estarei com você bebê! 

     Selei nossos lábios rapidamente. 

     - Não se preocupe querida sera cesário. -disse uma enfermeira. 

     - Não! 

     - O que? -perguntou a enfermeira tentando compreender Megan.

     - Eu quero normal! -disse Meg. 

     - Isso é perigoso, não podemos faze-lo! 

     - Não quero saber porra, quem vai sentir a dor sou eu, faça como eu quero, quero um parto normal. 

     - Megan não posso deixar isso acontecer. -protestei. 

     - Bebê confie em mim, dará tudo certo! 

     ****************************************************

OIIIIIIIIIE *oooooooooo*

Gente disse que ia postar no outro dia no cap anterior,me desculpem não ter postado, foi que peguei vírus kkkkkkkkkkkkkkkk, psé, ai o avast lindo limpou, ai foi 3h.

Recadinho pra erótica que disse que o negocio dos meses tava confuso: ERÓTICAAAAA, OLHE TIPO SE ELA TINHA 7 MESES, AI PASSOU ALGUNS MESES NO CASO 2 MESES PQ ELA FICOU COM 9 MESES. ENTÃO N TEM NADA DE ERRADO NÉ. EM NENHUM MOMENTO BOTEI "9 MESES DEPOIS" O JUSTIN DISSE "MEGAN JÁ ESTAVA COM 9 MESES" NO CASO TO CERTA NÉ? PRESTA ATENÇÃO MULHER! BJÃO TOTOSA!!! 

Desculpem-me pelos erros digitei rápido!!!

Swagkiss eróticas do eu s2!

By: Mires 

sexta-feira, 30 de agosto de 2013

I Need You - (44° Cap) " O que ta acontecendo? "


POV. Justin Bieber 

     Sexo com uma grávida seria diferente, nunca havia feito isso, mas para tudo há uma primeira vez, não?

     Deitei-me na cama e Megan subiu em cima de mim, sentou-se no meu pau que estava em ponto de bala... mesmo com essa bariga enorme ela continuava uma puta de uma gostosa.

    Os movimentos da Megan eram lentos, e isso fazia com que pudéssemos sentir mais prazer, apesar de gostar das coisas rápidas, devagar também era bom, muito bom.

     [...]

     Megan começou a rir, abri meus olhos e ela ria muito.

POV. Megan Julie

     Senti as meninas mexerem, foi engraçado, parecia que estava acontecendo uma festa dentro de mim, coloquei a mão direita em cima da bariga e senti um chute. 

     - Do que você esta rindo? 

     - As meninas, estão mexendo muito. 

     - Wow, quero sentir! 

     Coloquei a mão dele em cima da minha bariga... Justin passou a rir.

     - Isso é bom! -ele disse ainda rindo. 

     [...]

     Meses depois:

     Eu já estava com 9 meses, esperando para ter minhas filhas em meus braços. 

     Eu e Justin já havíamos voltado para casa, sim eu estava na casa dele. Bem eu não tinha escolha.

     Ainda não havia visto Bryan, não estava pronta para olhar para ele, não saberia o que dizer, claro que ele já deve saber que estou com Justin. 

     Meus pais ficaram sentidos por eu escolher o Bieber ao invés do Bryan, mas apoiaram minha decisão. 

    [...] 

     Acordei com um desejo estranho, bem eu não havia tido muitos desejos, eram simples, mas esse é estranho, ou não?! 

    Ignorei minha vontade e tentei voltar a dormir, mas, não consegui. 

    - Justin acorda! 

    - Não! 

    - Acorda logo porra... 

    Justin abriu os olhos assustado. 

     - Não me diga que a bolsa estourou? Meu Deus, vou pegar suas coisas... tenho que chamar minha mãe? eu não sei o que fazer!!!

     Ele corri pra um lado e para o outro e não fazia nada, pelo jeito quando minha bolsa estourar terei que resolver tudo sozinha, já que Justin estará em pânico,

    - A bolsa não estourou! 

    - Meu Deus, por que não disse antes, quase entrei em desespero. 

    - Sim, quase... -disse irônica.

    - Por que me acordou então?

    - Desejos...

    - Quer o que? 

    - Tô excitada, quero sexo! 

    - Não poderia ser mais tarde? 

    - Vai negar sexo agora? nossa que gay! 

    Justin me fuzilou com os olhos.

     - E ai vai me dar o que quero, ou não?

     - Sabes que nunca negaria sexo. -disse Justin malicioso.

     [....]

     - Quero te chupar! -disse. 

     - Nunca pensei que gravidas tinham tanto fogo. 

     - Cala a boca. 

     Justin sentou se encostando na cabeceira da cama. Ele já se encontrava nu, então o resto era comigo.

     Abocanhei seu pau apetitoso, umedeci toda a extremidade do seu pau, fiz movimentos circulares na cabecinha do seu pau, Justin soltava gemidos agoniantes.

    Fiz movimentos de vai e vem com a boca, Justin começou a mover-se como se estivesse estivesse fodendo minha boca.

    O masturbei com as mãos, e o chupei novamente, Justin gozou em minha boca e eu bebi todo seu "leitinho".

   [...]

     Acordei pela manhã e Justin não estava na cama u_u 
     
     Me levantei, fiz minha higiene matinal e me vesti:

                                  ( Barriga da Megan ta assim flw?)


POV. Justin Bieber 

     Meu celular começou a vibrar, peguei ele que estava no criado mudo e atendi.

     - Fala.

     - Justin, o Bryan ta ai!

     - O que ele qu... deixa pra lá!

     - Já tô descendo pra falar com ele.

     Desliguei.

     [...]

     - Fala o que você quer Bryan!

     - Quero falar com a Megan.

     - Ela esta dormindo.

     - Sem problemas, eu espero.

     Que idiota, vontade de socar a cara dele, mas vou me controlar.

POV. Megan Julie

     Quando estava descendo as escadas, escuto gritos... 

     Mas que porra ta acontecendo? 

****************************************

E ai? 

Tentar postar amanhã pq ficou pequeno de mais.

Minha mãe mandando eu dormir u_u que c* 

Recadinho pra pessoinha que fez  um comentário maldoso dizendo que tava aqui pra zoar com a nossa cara: VIADOOOOOOOOOOOOOOO SAI DAQUI, O QUE VOCÊ TA FAZENDO AQUI? VAI PROCURAR O QUE FAZER. NINGUÉM TE FORCOU A LER NÃO FI!!!

Bejaummmmmm

By: Mires

     

quinta-feira, 22 de agosto de 2013

terça-feira, 20 de agosto de 2013

Desculpem

Gente eu to sem net, não sei quando volta :'( naum me abandonem!!!!!

Vou tentar postar pelo cel, mas vai set difícil.

By: Mirelly (Mires)

terça-feira, 6 de agosto de 2013

I Need You - (43° Cap) " Me dá outra chance? "


POV. Megan Julie


     - Chris?! 

     - Neguinho, -disse Justin com toda sua ironia. 

     - Branquelo, -respondeu Chris.

     - Então você deu o segundo tiro? -perguntou Bryan.

     - Pois é! 

     - Por que você fez isso? -perguntei.

     - Você acha que eu deixaria você se casar?! Você é minha Megan.

     - Só em seus sonhos Chris, a Megan é minha garota e de mais ninguém, por isso vim aqui acabar com esse casamento, e pegar o que é meu! 

     - Eu não sou de ninguém! 

     - Chris, você sabe que tenho sentimentos fortes por você, mas não é do jeito que você quer, te considero um grande amigo, e por isso não vai acontecer mais nada entre a gente, -disse.

     - Enquanto a você Bieber partiu meu coração, me magoou varias vezes e ainda tem a cara de pau de falar que pertenço a você?! 

     - Eu sei que ainda me ma Megan, mesmo que seja pouco, sei que ainda me ama! -disse Justin. 

     - Você acha mesmo que depois de tudo que me fez, me traindo, me trocando por vadias, e ainda levando uma delas pra comer quase na minha frente, não tendo um pingo de consideração por mim, eu deveria ter um pingo de amor por você? 

     - Eu sei que errei Megan, errei varias vezes, mas o que custa me dar mais uma chance, uma ultima chance.

     - Eu te dei a ultima chance, e você a desperdiçou, não soube me ter, errava uma vez e ao invés de consertar seus erros, piorava ou repetia o mesmo.

     - Megan eu não consigo viver sem você, eu preciso de você, você é tudo para mim, você esta esperando 3 meninas que são a prova do fruto do nosso amor, quer que elas cresçam sem um pai?

     - Você não vai me ganhar com palavras de amor, e não se preocupe, porque minhas filhas irão ter um pai, pode ter certeza disso. 

     - Não me diga que ele vai criar nossas filhas como se fossem o pai verdadeiro?! eu nunca permitiria isso, elas são tão minhas quanto suas e tenho direitos sobre elas.

     - Por que você não esquece a mim e as minhas filhas? volta pra sua vidinha antiga de farrar e mais farras, transforma a sua casa em um puteiro novamente, e vai ser feliz do seu jeito e nos deixa em paz. 

     - Eu não conseguiria ser feliz assim, você é minha felicidade, sem você eu não vivo, você é tudo para mim Megan, me perdoe por favor.

     - Não Justin, eu já tomei minha decisão, eu irei me casar com o Bryan e serei muito feliz.

     - Se você não for minha não vai ser de mais ninguém.

     - Você não pode fazer nada, esta é a minha decisão se sentir um pouco de amor por mim, respeite-a.

     Virei as costas para Justin e peguei na mão do Bryan, Brawn estava paralisado ao lado do Bieber, Justin tinha os olhos marejado, Deus isso me fazia sofrer! mas quantas vezes ele me viu chorar e nem se importou? aliás era sempre ele que me fazia chorar. 

     Virei para pras e vi que Justin conversava com Chaz, ele virou o rosto em minha direção e nossos olhos se encontraram, e então pude ver lágrimas escorrerem em seu rosto, ele havia tentado tanto segura-las, mas não consegui, bem, todos olhavam o que acontecia, a atenção agora era para Justin, aliás não era todo dia que víamos o famoso traficante Justin Bieber chorando.

     Bryan me levava para fora, não havia mais nada para fazer ali. Então do nada me puxaram para trás, colocaram algo em meu rosto e tudo foi se apagando. 

POV. Justin Bieber

      Eu não conseguiria aceitar viver sem ela, nunca senti isso por alguém em toda minha vida, eu a amo meu Deus, eu amo mais que a minha própria vida, ela é tudo para mim, porque só percebo isso quando a perco? se eu pudesse voltar no tempo consertaria tudo de errado que eu fiz.

     - Calma dude, talvez ela mude de ideia! -disse Chaz.

     Eu tentava mais que tudo não chorar, mas estava sendo impossível, tava pouco me fodendo para o que as pessoas iriam pensar de mim, eu só queria te-la de volta, eu a quero junto a mim novamente. 

     Eu não iria deixa-la partir assim, não mesmo, ela é minha, Megan Julie é a minha garota e ninguém a tiraria de mim. 

     - Chaz, eu não vou deixar minha garota partir, não nessa vida! 

     Sai correndo na direção que eles haviam ido, partiria para o plano "B" : Se você não vai por bem, então vai por mal"

    [...]

    Puxei a garrafinha com aquele liquido incolor derramei no lenço, cheguei mais perto deles e bati com o revolver na cabeça do Bryan fazendo com que ele desmaiasse, e então logo coloquei o lenço no rosto da Megan que depois de alguns segundos dormiu.

     Coloquei a Megan na parte traseira do carro, e deia a partida, levaria ela para longe dali.

POV. Megan Julie 

     Abri meus olhos devagar tentando me acostumar com a luz do ambiente, olhei para o lado e vi Justin dormindo, posicionado de bariga para baixo, sem camisa uma visão bastante agradável. 

     Tentei me levantar devagar, mas fui impedida por Justin, que colocou seu braço em cima de mim.

     - Bom dia bebê, dormiu bem? 

     - O que esta acontecendo? 

     - Hum, você não se lembra da nada de ontem?

     Pensei um pouco e então lembrei de tudo, casamento e etc. Dei um pulo da cama e Justin me olhou incrédulo.

     - Justin onde nós estamos? 

     - Oh, bem longe de casa.

     - Quero voltar para minha casa, agora.

     - Calma bebê, estamos tirando umas férias, aproveite, -disse Justin e vei até à mim.

     - Por que fez isso? não vê que está deixando tudo mais difícil? 

     - Faço isso por amor, eu te amo e você sabe disso, acha mesmo que deixaria você se casar com outro?

     - Justin não quero mais brigar contigo, cansei disso. 

     - Isso mesmo bebê, não vamos mais brigar, vamos só aproveitar. 

     - Não vou mais brigar, porque não aguento mais ficar repetindo que você me traiu, me magoou...

     - Meg, vamos esquecer isso, eu faço tudo que você quiser em troca de seu perdão. 

     - Justin, mesmo que eu quisesse voltar com você, não poderia, pois não abandonaria o Bryan que tanto me apoiou e fez o que você deveria ter feito e não fez comigo. 

     - Eu só preciso de uma chance para te reconquistar Megan, por favor me dê essa chance bebê. -disse ele e então se ajoelhou. 

     - Jus, levante-se dai, você esta maluco. 

     - Me perdoa Megan, me perdoa... 

     Justin começou a chorar que nem criança, era de partir o coração de qualquer um. 

     Eu quero e não quero perdoa-lo. 

     Oh Megan você é uma vadia mesmo, ainda pensa em perdoa-lo.

     Talvez ele tenha mudado, talvez eu devesse dar mais uma chance a ele, uma ultima chance.

     - Justin, você me ama mesmo? 

     - Sim, ainda tem duvidas do meu amor por você? 

     - Bem, você não é uma pessoa em que possamos confiar muito. 

     - Nossa! 

     - Desculpa, mas é a pura verdade.

     - Tudo bem, eu sei disso. 

     - Bebê, eu te amo mais que tudo nesta vida, largaria tudo por você, eu sei que errei varia vezes, mas dessa vez eu estou disposto a te tratar como você merece, você é minha garota, minha vadia, sem você eu não conseguiria viver, é muito difícil para mim falar essas coisas de amor, você sabe que não sou um cara que expressa sempre os sentimentos, para mim o amor não existia, até te encontrar minha vadia, eu não falo isso da boca pra fora, eu falo apenas o que meu coração manda. Eu te amo Megan, e lhe peço mais uma chance, a ultima. 

     - Isso me parece tão errado, talvez seja a maior burrada que vou fazer na minha vida, mas eu te amo tanto que sou capaz de perdoa-lo, bem, não totalmente, mas você pode ter certeza que já tem 65% do meu coração, o resto você terá que conquistar com o tempo, pois a magoa que deixou em me coração não é fácil de esquecer. 

     - Então eu estou perdoado? 

     - Sim. Mas vou logo falando que essa é a sua ultima chance, não terá mais nenhuma, então melhor aproveita-la bem, e saber usa-la com sabedoria.

     - Pode ter certeza que não irei mais te magoar. Oh bebê, você é tudo para mim!

     Seu sorriso largo me animava, bem, o que eu estou fazendo? acho que sou a mulher mais otária do mundo, e a que tem o homem mais gostoso do mundo também. 

    Justin foi se aproximando e então me beijou, um beijo suave e apaixonado, foi diferente de todos os outros, esse transbordava paixão e varias outras coisas boas, me levava ao céu.

     [...] 

     Justin estava transbordando felicidade, e eu estava do mesmo jeito. 

     Ele me ama, tem coisa melhor que isso? 

     - Justin, você ainda não me disse onde estamos.

     - Oh sim, estamos em uma ilha no Brasil.







     - Legal... 

     Olhei para Justin e ele estava me olhando... diferente, eu conhecia aquele olhar.

     - Você pode? 

     - Ahn, sim... 

    Se você pensou que ele estava com sede de sexo, estava certo, aquele olhar insaciável que eu conhecia muito bem... 

     Justin veio em minha direção me pagou no colo, e me levou até a cama. 

     - Você tem certeza que podemos bebê? e se algo acontecer as meninas? 

     - Nada vai acontecer confie em mim. -disse e deu um sorriso confortante.

      Justin estava bem nervoso, não dava pra negar e aquilo era engraçado.

     [...]

     Estávamos apenas de roupas intimas, Justin beijou meu ombro e deu uma leve mordiscada. 

     - Você não tem ideia de como senti sua falta! -disse. 

******************************************************

Oieeeeeeeeeee eróticas kkkkkk', então postei finalmente \o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/ 

Respondi uns comentários no cap anterior, algumas meninas dizendo que iria parar de ler pq eu demorava pra postar e tal, mas gente eu demoro pq tenho que fazer meus deveres escolares e não fico com tempo pra escrever os caps... mas eu vou escrever os capas em dois dias, pq ai eu consigo postar mais rápido :) 

*Tinha um comentário dizendo que demoro tanto pra postar que vcs até esquecem o que tava acontecendo na fic, então, até eu esqueço kkkkkkkkkkk.

NÃO ME ABANDONEMMMMMMMM!!!! obg :)

Gente o cap ficou pequeno :( dsclp 

Desculpem pelos erros ortográficos digitei rápido :p 

Próximo cap talvez tenha parte hot!!!!

Kisses...

By: Mirelly