domingo, 31 de março de 2013

Catching Feeling cap. 5


''Não importa o que acontecerá amanha, contanto que você estejá do meu lado sei que tudo ficará bem.''




Pois é, aqui estou me arrumando pra ir a festa na casa da Cait. Se eu to animada? Nem um pouco, mas o que amiga num faz pela outra não é. E para tirar algum proveito vou com um vestido que eu mesma criei, perfeito pra ocasião:


 Coloquei um glos, documentos dentro da minha bolsa-carteira. Peguei meu celular pressionado um botão pra tela acender  pela milésima vez, mas nenhuma mensagem nem ligação do Justin, é esse silencio está me matando. Desci com meus saltos nas mãos até a garagem, joguei as coisas no banco passageiro e segui até a mansão dos Beadles.


[...]


A fachada da mansão estava bem iluminada, pessoas muito bem arrumadas e elegantes andava lentamente pelo tapete vermelho estendido até a porta de entrada. Ajeitei meu vestido e segui caminhado devagar.

 Adentrei aquela mansão e uma musica suave tocava calmamente avistei a Cait próxima a escada com um vestido longo cor de rosa a cara dela u_u ela segurava uma taça de champanhe em sua mão esquerda seus olhos percorria aquela sala super entediada, me aproximei dela e um sorriso se formou em seu rosto assim que me viu.

- Nossa pela sua cara a festa está mesmo interessante! –Disse pegando a taça que estava em sua mão, tomando um gole do champanhe-

- Nem me fale amiga, graças a deus você veio. Minhas bochechas dói de tanto rir pra essa gente chata. –falou pegando uma taça com o garçom que passava- Perai, onde você comprou esse vestido? É 
simplesmente perfeito! –disse me fazendo dar uma voltinha-

-rir fraco- Criação minha meu bem! –lhe mandei uma piscadinha-

- Nossa fantastico! Você tem mesmo talento amiga!

- Obrigado –disse rindo da cara dela -Cadê o Chris?

- Deve está no jardim mas os meninos, pegando alguma dessas vadiazinhas! –disse tomando um gole do seu champanhe-    

-Hum, e o Justin esta com eles? –perguntei tentado que minha voz saísse o mais normal possível-

- Não, ele ainda não chegou! –falou se apoiando no batente da escada- quer dizer, acabou de chegar! –completou apontando pra porta-

Me virei para a porta e vi ele entrando, estava simplesmente lindo com aquele Smoking , meu coração deu um pulo assim que ele me olhou e sorriu. Ai meu Deus o que está acontecendo comigo? 

Ele se aproximou de nos, deu um beijo na bochecha da Cait e me abraçou depositando um beijo no canto da minha boca. Vi Cait arregalar os olhos e sorrir tímida.

- Para tudo! –quase gritou Cait- O que está acontecendo entre vocês?

- Ér... nada Cait, nada! -disse tomando um pouco do champanhe- 

- Mas... –Sra Beadles a interrompeu-

-Cait faça um favor! –chamou-a- Olá Lizz –disse educada beijando minha bochecha- como vai Justin? –falou fazendo o mesmo-

-Olá Sra. B! –disse gentio-

-Estou bem! –disse Justin-

- Cait querida, vem aqui quero te apresentar umas pessoas! –disse arrastando Cait-

Cait olhou pra gente revirando os olhos e sussurrando um ‘’socorro’’ rimos dela, Justin me fitou por alguns logos segundos.

-Você está linda Lizz! –disse me medindo dos pés a cabeça-      

-Obrigado Biebs , até que você tá bonitinho!

Ele riu fraco e acariciou meu rosto com seu polegar nivelando nossos olhos aproximando nossos lábios.

- Justin, precisamos conversar!  -disse abaixando o olhar assim que senti sua respiração tocar meu rosto-

-Tudo bem, vamos lá pra fora está mais calmo.

Assenti deixando a taça sem nem ter terminado o champanhe com um garçom que passava por nos. Ele envolveu minha cintura me guiando até o jardim, alguns casais de jovem conversavam em meio aquela imensa grama verde. Caminhamos até uma cadeira de balanço que tinha ali:


Sentei na mesma, senti o peso do Justin assim que se sentou ao meu lado, ele me encarou enquanto eu suspirava fundo tentando achar uma maneira melhor de começar essa conversa.

- Então, o que você queria falar comigo? –perguntou-

- Sobre aquele dia que ficamos!

- O que é que tem?

- O que é que tem? –fitei seu rosto- Tem que eu estou super confusa Justin, eu não sei se tu ficou comigo só por pena, ou por livre e espontania vontade , acontece que aquele beijo mexeu muito comigo. E eu não tenho ideia de como vai ser daqui pra frente, e todas essas duvidas estão me corroendo. Você não me ligou, nem mandou mensagem, o dia todo e isso me deixou muito mais frustrada. – aquela explosão de palavras, saíram pela minha boca como um foguete de tão rápido- Eu simplesmente não iria consegui te olhar como antes, sem ao menos tivermos uma conversa. -respirei fundo, abaixando o meu tom de voz-

- Lizz desculpa –fitou o chão- eu também estava confuso, eu não sei o que me deu pra te beijar. Mas tiver daquele jeito apertou meu coração, era como se seus lábios me chamassem pra toca-los e foi umas das melhores sensações que já tive. –ele voltou a mim olhar- Lizz eu não sei como vai ser daqui pra frente, mas eu sei o que eu quero agora! –nivelou nossos olhos- Eu quero você! –sussurrou próximo ao meus lábios- não vamos nus preocupar com o amanha ok!? –disse colocando uma mecha rebelde atrás da minha orelha-

- Tipo, uma amizade colorida? –perguntei franzido o cenho-

- Ér, tipo amizade colorida! Iae, topa? –perguntou com um sorriso nos lábio-

- É, não custa nada tentar, eu topo!! –sorrir sapeca-

Finalmente seus lábios tocaram os meus, e aquela sensação estranha mais gostosa voltou a tona. Sua língua pediu passagem e cedi sem pestaneja, ele explorou cada canto de minha boca. O fato é, que vamos aproveitar cada segundo que pudermos, e as duvidas irão ser esclarecidas com o passar do tempo...

[...]

Depois de um tempo a sós, se é que vocês me entendem ;) Eu e o Justin voltamos a festa, agora tocava musicas mais animadas, pra jovens. Sabia que a Cait daria um jeito pra animar aquela festa. Adentrei a mansão com os braços do Biebs em volta de minha cintura, peguei uma taça com um garçom que passava e fui saltitando até a pista de dança. Meu corpo começou a se mexer conforme o ritmo da música, Justin acariciava minha cintura enquanto dançava também. Era obvia a nossas intenções, eu o queria assim como ele me queria, apesar do pouquíssimo tempo que estamos ‘’juntos’’ era visível o desejo que sentíamos pelo outro.

[...]

Passava das 2h da manha quando decidi ir embora, meus pé latejavam por conta do salto, minha cabeça começava a doer devido as taças de champanhe que bebi. Uma fato é: eu e álcool não nuns damos muito bem, e o pior que ainda tenho que dirige Affz.

- Justin eu vou nessa, minha cabeça tá começando a doer! –falei me levantando de seu colo-

- Eu não entendo pra que você ainda bebi, sabia. Se sempre passa mal depois –disse se levantando do sofá-

- Tchau, te vejo depois! –falei ignorando suas palavras lhe dando um selinho-

- Nem pensar, eu vou te levar. Num vou deixar você dirigi assim! –falou envolvendo minha cintura-

Assenti e fomos nus despedir do pessoal, fomos de mãos dadas até a vaga onde tinha deixado meu carro. 
De repente apareceram uns caras mascarados que surgiram em meio aquela rua com pouca iluminação, cercaram-nos e um deles se aproximou de nos.

- Lizza Simpson, ainda mais linda pessoalmente! – falou acariciando meu rosto.-

- Não toca nela!! –Justin disse estridente tirando a mão do cara do meu rosto-  quem são vocês?

-  Não interessa quem somos , interessa o que vimos fazer!! –disse em um tom debochado-

- O que vocês querem? –perguntei dando um passo pra trás-

- Você!! –disse sombrio me fazendo arrepiar-

- Vão embora! –disse Justin irritado-

- Não sem ela! –falou segurando meu braço-

- LARGA ELA! –Justin gritou-

O cara me pegou pela cintura colocando-me em seus ombros, agarrei-me no Smoking do Justin gritando para me soltarem, Justin se debatia pra que os capangas o largassem mas em vão, minhas mãos deslizavam conforme o homem mascarado me puxava cada vez mais. Ele me jogou dentro de um carro e logo entrou também, minhas lágrimas quentes escorria pelo meu rosto quando vi Justin caído no chão depois das surras que levou.

- ME TIREM DAQUI, SOCORROOOO! –gritava batendo nas janelas na tentativa de alguem me ouvi- EU QUERO SAIR DAQUIII! –gritei dessa vez batendo no homem mascarado que dirigia-

- CALA A BOCA SUA VADIA, OU EU ATIRO TÁ ENTENDENDO!! –berrou quando parou o carro 
bruscamente, mostrando uma arma-

- EU QUERO IR EMBORAAA!! –berrei distribuindo murros em seu corpo ignorando suas palavras-

- Sua vagabunda!! – sussurrou e me dando uma coronhada-

 Minhas mãos caíram ao lado do meu corpo enquanto minha visão escurecia mais, e mais...



***

continuaa...

Oi gente!! Bom aparte de agora ñ vou mas pedi comentários, comenta quem quiser ou marca se tá gostando ou ñ. Lembre-se que os comentários é o que me faz saber se tão gostando ou não, então será assim comenta se quiserem e eu irei postar quando der.
Queria pedir desculpa pela demora, mas acontece que a fula da minha net tava de maricagem de ñ querer pegar.

é isso BieberKiss =*

Adc-me no face Beek Oliveira
Siga-me no TT @W_Beek1
Perguntem no ASK



by: Beek

Recado de Páscoa! :D \o/


Páscoa, um momento de união....

JESUS morreu e ressuscitou para mostrar ao mundo o verdadeiro sentido da VIDA.

Bom desejo uma Feliz Páscoa a todas vocês gatas da laje, que vocês ganhem bastante chocolate... Neste dia de Páscoa, gostaria de desejar a você muita paz e harmonia.

Eu tava aqui  assistindo a paixão de Cristo, comendo chocolate e me acabando de chorar, porque né!!! 

Fui abandonada em casa, to resfriada, to falando sozinha, mas mesmo assim to feliz, porque to rodeada de chocolate só pra mim u.u  -rimou- \o/

Fiz até uma musica para minha gripe: Gripe vadia, sai da minha vidinha, me deixa aqui sozinha e vai rodar bolsinha! 

Ahn, feliz páscoa de novo, e tchau!!!

Ps: Amei os comentários em I Need You


sábado, 30 de março de 2013

2° Temporada Amo esse idiota - Elas me encantarão de mais

{..}
As horas foi se passando ,e a gente continuava ali do mesmo jeitinho , até que foi um boa o Jake ter ido pra casa de meu pai ...  Depois de alguns tempo a (seu nome) resolveu ir pra casa .
Pegamos as coisas,colocamos no fundo do carro e seguimos rumo a nossa humilde residencia .
A (seu nome) foi tomar banho e eu também , mais só que em outro banheiro .


{..}
Estávamos deitados na cama ,(seu nome) desde que chegamos não dar uma palavra . Então resolvi anima-lá . Ficava fazendo palhaçada , e ela ria de mais .

Eu : eu sou bonito ? - não -
Ela : é sim -dizia rindo - Eu sou bonita ?
Eu: é sim ,e como! - sim -
Ela : amor venha cá - disse mim chamando -
Eu : diga minha Diva .
Ela : gostaria de ir a algum show da Demi .
Eu : aquela gostosa ,ops . Depois de tudo isso eu te levo .
Ela : tudo bem . eu ficaria que nem um louco no show . - dando a louca -
Eu : mais você é louca .
Ela : aeew . pois enton vai dormir no sofá hoje .
Eu : ai meu coração - buh . -
Ela : amor para de graça vai .
Eu : não  . Olhe pra mim e veja o que eu vou fazer .
Ela: - olhou pra mim - fazer o que ?
Eu  : isso . - kkkkkk.chorem de rir -
Ela : aai que lerdo - disse rindo bastante -
Eu : deixar eu dormir com você via .
Ela : não .
Eu : deixa .por favorzinho amor .
Ela : tudo bem .
Eu : uhuuu. minha gostosa - vou até ela assim -
Ela : amor para de coisa vá . Venha vamos logo dormi .
Eu deitei na cama ,mim aproximei mais dela e a abracei e acabamos dormindo . .



(.... )

(seu nome) P.O.V

Era umas 03hs da manha quando sentir uma pontada na minha barriga , não fiz barulho ,apenas mim levantei e fui até a varando com calma ,mais a dor  so ia aumentando . aumentando . Já não aguentava mais ,era melhor chamar logo o Justin .
Fui até a cama e comecei a balançar o Justin .
Eu : JUSTIN.ACORDA.É AGORA.aiaiaiai.anda logo Justin .
Justin : acoordei .acordei . As meninas querem nascer agora é ?
Eu: acho que é . anda logo , pega as bolsas e leva para o carro . Eu vou indo logo atrás .
Justin : não não . senti ai na cama ,eu desço com as bolsas e volto pra te busca , mantenha a calma .
Eu : Amor eu to calma ,você que ta doido .
Justin : ok .ok .  Ja já eu volto .
Justin desceu as pressas e eu aproveitei pra colocar uma blusa descente né .
(..)
Uns 2 minutos depois Justin voltou ,mim pegou no colo e mim levou pra o carro .

(...)

Justin P.O.V
 Peguei a (seu nome) no braço e seguir até dentro do hospital .
Eu: moça ,ela estar em trabalho de parto  -disse com a (seu nome) nos braços -
Enfermeira : ok,bote ela aqui e eu vou chamar o Dr. que acompanhou a gravidez dela
Assim eu fiz ,botei ela na ''cama'' e nem demorou muito pro Dr. chegar , logo levaram ela pra sala de parto e  eu o acompanhei...
 A (seu nome) gritava de dor ,e eu tentava acalma-lás
Eu : meu amor ,fica tranquila que vai dar tudo certo -disse passando a mão em seus cabelos que ja se encontravam soados -

{..}
Já tinha 2h que a (seu nome) estava em trabalho de parto ... ela apertava minha mão e fazia força ,força pra as meninas  nascerem  ...
Dr.: vamos la (seu nome) falta bem pouco ,força
Eu: bora meu amor força ,voc consegue -disse tentando conforta-la ,aquilo era de da do -
A (seu nome) fez força,muita força,bastante força ... Até que escuto :
Dr.: Aée ,o bebe nasceu ... -disse e escultei o choro do bebe - mais não relaxe agora ,so falta mais uma .
A (seu nome) tava muito cansada,mais mesmo assim não deixou de sorrir, ela fez força novamente , e novamente até que a Mel nasceu . 


(seu nome) P.O.V
Eu tava bastante cansada,mais ouvir o choro das minhas filhas foi de mais ,eu não sabia se chorava ou se sorria . O Justin fazia os dois ao mesmo tempo , a enfermeira veio e trouxe as meninas  pra mim , cara aquilo foi de mais ,muito perfeito.... 


Justin estávamos muito felizes , ele chegou perto de mim e falou :
Justin : Amor ,elas são  lindas ... Agora nossa família ta crescendo  ,te amo -disse dando um leve beijo nas meninas  e em mim -
Eu : Justin também te amo ... Elas realmente são lindas , imagine o Jake quando ver  -
Fomos interrompidos pela enfermeira que iria limpar as meninas e levar pro berçário  ,essas coisas sabe ... O Justin a seguiu e eu tava tão cansada que acabei apagando ...


*********************************************************
Meninas mim desculpem a demora . Meu 
computador deu pal . mais estou de volta . 


Estou Surpresa pela quantidade de comentário 

(13) . Espero que continue assim . Eu sei que esse 

Cap. não ta bom , mais prometo melhorar.



BEM VIDAS AS LEITORAS NOVAS . 

Facebook  : Bella Keila 

Divulgando : 

   

 °°  Continua 5 comentários ou mais .

sexta-feira, 29 de março de 2013

I Need You - ( 38° Cap) " Não irei mais sofrer por ele"



POV. Megan Julie

Livre, livre, livre, livre, livre desse sofrimento!

Bem agora eu iria para a minha antiga casa! A casa onde vivi minha infância.

[...]

Iria tentar esquecer aquele desgraçado, eu sei que vou conseguir!

[...]

Cheguei, na minha casa, e só ali percebi o que tinha feito... wow não era um pesadelo. Adentrei a casa:



Dentro continuava a mesma coisa, tirando a poeira né...



Rever aquela casa me deixava um pouco triste, pois senti falta da minha querida mãe...

[...]

Sentei-me no sofá e uma grande nuvem de poeira surgiu, oh droga, isso me causaria problemas.

Estava muito tarde e eu estava muito cansada, mas tinha que tirar um pouco da poeira daquela casa ou então não conseguiria dormir...

Resolvi apenas limpar o quarto em que dormiria, assim ficaria confortável



Depois de 1 hora, havia deixado o quarto limpinho, então resolvi tomar um banho...



Oh Céus, quando aquela água morna tocou em minha pele, senti meu corpo relaxar, acho que fiquei ali por uns 30 minutos só sentindo a água deslisar em meu corpo...

Finalmente acabei meu banho, então fui me vesti:



Me deitei na cama e tentei dormir, mas bem o sono havia ido embora...

Eu senti um buraco dentro da minha bariga, estou morrendo de fome, mas como aqui não há nada resolvi ligar para uma pizzaria e pedi uma pizza (u.u)

[...]

Acordei e já se passava das 12:00 horas, permanecia deitada na cama, morta, na verdade não consegui me levantar, a preguiça estava me possuindo... e a fome também, por um lado queria me levantar para comer e por outro queria continuar ali deitada, que nem uma morta viva....

Mas como a fome era mais forte, me levantei e fui fazer minha higiene matinal, me olhei no espelho e bem tava parecendo uma Zumbi, ainda bem que eu amo Zumbis. I LOVE ZUMBIS! 

Os invejosos vão me chamar de louca por amar zumbis, mas eu os amos por que, eles não tem a capacidade de quebrar seu coração em milhões de pedaços, porque eles nem pensam direito, então imagine se conseguiriam te magoar.... acho que estou ficando louca, Zumbis nem existem...

[...]

Terminei de tomar banho, e fui vestir-me:



Sim isso é uma camisola, mas e dai? quero ficar assim em minha casa... porque a casa é minha como disse, e a camisola também é, então...

Então meu celular tocou...

Já sabia quem era então atendi:

- Fala dude!

- Meg, você esta bem?

- Tô legal cara...

- Tô indo pra tua casa agora!

- Tudo bem Bryan!

[...]

Eu tava numa preguiça tão da desgraçada, que nem troquei de roupa, ah e também nem me importo o Bryan é meu amigo e eu não tô nua.

[...]

- Aqui trouxe pra você! -disse Bryan entrando com milhares de coisas.

- Não precisava disso tudo! -disse.

- Um obrigado seria bom...

- Obrigado! -disse e abracei o mesmo.

[...]

- Hey fizemos um bom trabalho... -disse Bryan assim que terminamos de fazer uma grande faxina na casa.

- Aham, mas eu estou morta...

- Caramba! -disse ele olhando o seu celular.

- O que foi?

- Tenho que ir agora, passo aqui depois...

- Ok, muito obrigado por tudo Bryan.

- Pra isso que serve os amigos. -disse ele.

[...]

Estava deitada na cama, com um baby doll largo, e um fome anormal...



Fui até a cozinha e peguei um pote de sorvete:



Voltei para o quarto e voltei a fazer o que fazia antes...

[...]

Assistia um filme de romance que nem sabia o nome... estava com o rosto todo ensopado de lagrimas.

Oh Céus, parecia uma adolescente sofrendo pelo seu primeiro amor, e então ela se trancava em seu quarto com um pote de sorvete assistindo um filme de romance e chorando litros, tentando se convencer que suas lágrimas é por causa do filme e não pelo filho da puta que quebrou seu coração em milhões de pedacinhos.

Bem a unica diferença é que eu sou uma adolescente gravida!

[...]

Acordei com meu celular tocando, peguei o mesmo e vi que era apenas um sms, poderia ignorar por ser 3:00 da madrugada, mas não ignorei... resolvi ler para minha decepção... era uma mensagem do Bieber.

POV. Justin Bieber

2 dias haviam se passado e nada da Megan voltar, sim eu acho que ela vai voltar, por isso nem fui atras dela ainda. Qual é essa vadia não tem onde cair morta, e vai voltar correndo para mim que nem uma cadelinha... 

Já se passava das 2:40 da madrugada, eu estava em meu escritório 

- Jus amor, vem pra cama... -disse Camila adentrando o lugar...

Vadia abusada!

- Já disse que não gosto de apelidinhos, e não me chame de amor cadela, e outra, vou pra cama na hora que eu quiser. Qual é ta no cio cachorra.

- NÃO FALA ASSIM COMIGO SEU VIADO!

Me levantei da cadeira e parti pra cima daquela piranha, ela tava precisando de uma boa surra, pra ver quem é que manda aqui....

Peguei aquela cachorra pelo  pescoço e a encostei na parede.

- Sua cadela, quem manda aqui sou eu. Não vá achando que pode aumentar a voz para mim, da próxima vez quebro a tua cara e depois te jogo nas ruas nua sem nada... se liga cadela, agora sai daqui!

A vagabunda saiu com o rabinho entre as pernas!

[...]

Resolvi mandar uma msg para Megan, tinha vontade de ir atras dela e dar uma surra que a deixasse mole. Mas sei que ela se magoa mais com palavras... então resolvi esculachar ela por uma msg!


POV. Megan Julie 

"Hey, vadia! To impressionado com você, não veio correndo até a mim que nem uma cadela idiota que você sempre foi... pra mim você não passa de uma puta, com quem me divertia e depois fingia que gostava de você, mas querida era só pra te foder mesmo, alias você não serve pra outra coisa, inútil"

Quando acabei de ler já senti o rosto todo molhado pelas lagrimas. Caramba me sinto como uma vadia por ter acreditado em todas as palavras dele e de ter me doado por inteira pra ele. Apenas para ele, mas isso acabou, porque eu estou acabada.

Mas, não quero mais sofrer por ele!

Não irei mais sofrer por ele!

*************************************************

Continua...

Quero 15 comentários! u.u

Desculpem-me pela demora mas é que a senzala voltou e não estava tendo tempo, mas ta ai né gatas da laje.

Não vou responder aos comentários porque to com preguiça! kkkkk' 

Gente  ficou um lixo eu sei, mas é que to agoniada, o calor ta me possuindo e tô gripadinha!!!

By: Mirelly

sábado, 16 de março de 2013

2° Temporada Amo esse idiota - Piquenique

Eu e Justin ficamo ali namorado um pouco né ,até porq a gente merece aushaush. Justin resolver mim levar a um parque que tinha ali perto , o parque em que a gente tinha escrito nossos nomes na arvore , vestimos uma roupa descente e fomos , Justin tinha levado algumas coisas pra gente comer por lá mesmo . A tarde estava ótima, acho que eu estava precisando era disso pra mim animar .
Eu :

Justin :

Não demorou muito pra gente chegar ao local , ficamos procurando a arvore ,até por que já tinha um bom tempo que não vinhamos aqui . Foi bem antes de eu ficar gravida do Jake . Depois de alguns minutos encontramos a arvore , que ainda contia o nosso nome lá .
Justin colocou uma pequena toalha no chão e a cestinha ao lado , se encostou na arvore e eu sentei entre seus pernas , o clima estava muito bom , faz tempo que não fica só eu e o Justin .

(seu nome) 

Do nada assim sabe ,Justin parou olhou pra mim e começou a falar .
Justin : já consigo mim imagina tomando banho com as meninas ,já consigo mim imaginar chegando dos shows e indo no quarto delas pra ve-las , consigo mim imaginar chegar de viajem e ver elas brincado com você na sala , consigo mim imaginar você e eu bem velhinhos na sacada da casa , consigo mim imaginar a casa cheios de netos . Mais eu só consigo imaginar isso com você , por que você é o amor da minha vida , você é a pessoa certa pra mim , por que é você que eu amo hoje ,que amei ontem e que vou amar pra sempre .
Tipo o Justin ficou falando aquilo e você acha que eu fiquei como ? Com lagrimas nos olhos claro .
Eu : Também não consigo mim imaginar com outra pessoa ,por que eu também te amo . Sei que ninguém é perfeito , mais você é perfeito pra mim , nunca amei um menino como eu amo você , você sempre será meu garoto.
Justin : e você sempre será minha garota .
Justin segurou minha mão mim fez levantar e ficarmos dançando , mesmo sem musica , ele começou a falar.
Justin : Nos eramos jovens quando nos vimos pela primeira vez , eu fecho meus olhos e começo a lembrar . Você disse "olá" e eu logo soube - disse olhando fixamente para seus olhos -
Eu: Que você era meu "Romeu " e eu era sua "Julieta". você será o príncipe e eu serei a sua princesa ,está é uma historia de amor . -disse e passou a mão em meus cabelos -
Justin P.O.V

Justin :  e  hem meio a tantas coisas,a certo dia chegou e a gente precisou dizer sim pra mostra as pessoas que apesar de tudo ,a gente continuo juntos . - disse tirando uma mexa de cabelo que insistia em cair em seu rosto -
Eu: e que vamos continua pra sempre . Por que você pertence a mim .
Justin : so a você e a mais ninguém . - disse e ela deu um sorriso - amor esse sorriso seu !
Eu: por que ?
Justin : Por que ele poderia iluminar uma cidade inteira .
Eu: e eu amo quando você fala isso ! -disse mim beijando -
Justin : acho melhor comermos algo .
Eu: e você trouxe o que ?
Justin : trouxe nutella ,morango , sanduíches, suco . o que a madame quer ?
Eu: eu quero morango com nutella .
Justin : se desejo é uma ordem senhora . -disse colocando nutella no morango   -
Eu: senhora ? Não acredito .
Justin : to brincando né . Venha ,você quer ? -disse aproximando o morango a minha boca  -
Eu: quero sim - disse abrindo a boca -
Justin : mais primeiro terá que mim dar um beijo - disse fechando os olhos -
Eu: pode deixar .
Fiquei esperando pelo beijo da (seu nome) e nada, depois sentir que alguem tinha mordido o morango, deduzir que foi ela , abrir meus olhos (seu nome) estava devorando o morango .
Eu: eeei , e meu beijo ?
(seu nome) : foi mal não conseguir resistir .
Eu: mais eu quero meu beijo
(seu nome) : pode deixar ,venha cá para eu te dar um beijo sabor chocolate .
Eu: huuuum ,adooro . -disse e mim beijou -

Ficamos ali o resto da tarde toda , a noite chegou e deitamos e ficamos olhando as estrelas que por sinal o céu estava lindo . Coloquei meu braço em volta a (seu nome) que colocou sua cabeça em meu peitoral . Momento perfeito , acho que tanto eu ,tanto ela estávamos precisando disso . Ela já não estava com aquele desanimo da hora que eu cheguei , ela já estava totalmente diferente . Acho que ela não so estava assim pela gravidez, mais sim por passar meses sem mim .

{...}

********************************************
Facebook  : Bella Keila 

Minha flor de lótus : Diana Stefani  
Eu fiquei de boca aberta *0* . Leiam o Fanfic dela . Muito bom . 


Continua 5 comentários ou mais .

sexta-feira, 15 de março de 2013

2° Temporada Amosso esse idiota - 2 filhas ?

(seu nome) P.O.V 
Estava terminando de colocar a blusa no Jake ,e dando as coordenadas a ele.


Eu: filho obedece a seu avó , não brigue com seus tios , coma direitinho viu ?
Jake : viu mama, pode deixar !
Eu: agora vamos descer .
Jake : a senhora não vai descer , eu peço para o papai vim mim pegar aqui
Eu: não deixa ,eu te levo lá em baixo .
Justin e Jeremy entraram no exato momento no quarto
Justin : pode deixa ,já estou aqui ,as coisas dele já esta no carro
Eu: ok ! Então Jake vem aqui pra mamãe lhe da m beijo
Jake assim fez ,chegou perto de mim e mim deu um beijo e um abraço
Jake : mamãe te amo . Fica bem tá ?
Eu: Mamãe também te ama,pode deixar que eu vou ficar bem sim .
Justin : pode deixar filho ,eu cuido da mamãe . Agora já ta na hora de ir .
Jake foi até o Justin e o abraçou ,
Jake :  te amo papai ,cuida da mamãe mesmo .
Justin : também te amo filho .
Jeremy : eu to achando que essa barriga da (seu nome) é dois !
Eu: Jeremy ! - disse como se estivesse escondendo algo -
Justin : seria uma ótima , eu não sei ,até por que a ultima ultrassom ela fez sozinha . (seu nome) ?
Eu: oushe ,sei de nada não -disse e sorrir -  É melhor o Jake ir ...

Nos despedimos de Jake e Jeremy e eles foram embora .

Justin P.O.V
Voltei para o quarto e a (seu nome) estava saindo do banho . Fui até a cama e mim deitei ,fiquei observando -a se vestir .
Eu: então né ! A ultima ultrassom deu o que ?
(seu nome) : nada - falou e riu -
Eu: eu sei que você esta mim escondendo algo , vai anda logo ,fala amor
(seu nome) : é que tipo assim,vá no quarto do bebe e você verá !
Eu: ta bom , pere um pouco - disse e sair correndo -
Eu realmente estava curioso pra saber , a (seu nome) tem essa arte de mim fazer surpresas. Entrei no quarto



e quando vi dois berços sair correndo atras da (seu nome) ,cheguei no quarto e ela estava deitada na cama ,pulei na cama
Eu: eu não acredito .... vamos ter duas ...duas meninas ?
(seu nome): isso mesmo ! Já sabe o nome da outra ?
Eu : bom pode ser Melina
(seu nome) : estar perfeito , minha dupla de M&M -disse rindo -
Eu : agora venha aqui ,deixe eu matar a saudade de voce
Justin se aproximou de mim e mim beijou

*********************************************
E ai o que tão achando ?  

Muito obrigada pelos comentários 

  Mirelly dona do blog kkkkk  - Obrigada pela cortada sua Bicth do c @#%$- 

Continua 5 comentários





Facebook  : Bella Keila 


quinta-feira, 14 de março de 2013

2° Temporada Amo esse idiota - 9 meses

4 meses ja tinham se passado . 

Minha barriga estava enorme , maior do que quando eu fiquei gravida de Jake , o Justin estava voltando hoje de pois de 4 meses fazendo shows , ele não gostou muito da ideia pelo fato de não estar  acompanhado minha gravidez  de perto , mais eu todos os dias fazia videos pra ele ,andando de lado e mostrando a barriga,fazendo palhaçada com Jake ou até mesmo dando banho nele , dançando ,cantando . Fiz o possível pra que ele pudesse acompanha tudo o que fizemos  . Mais hoje ele ja esta voltando . Acordei, mim levantei com dificuldade da cama e fui para o banheiro fazer minha higiene matinal e tomar banho, o Jake provavelmente estava lá em baixo com a governanta , isso mesmo ,Justin contratou uma governanta , ela já é bem experiente, muito gente boa , cuida do Jake como se ele fosse seu filho , desci e fui tomar meu cafe da manha .
Passei pela sala e nem sinal da Kelly {governanta} e nem do Jake ,fui até a cozinha e o Jake estava sentado em cima da mesa balançando as perninhas conversando com Kelly e a mesma estava terminando de fazer o café da manha , dei um beijo no Jake e ele passou a mão em minha barriga , e depois de um beijo em Kelly . Ajudei-a a colocar a mesa e depois nos sentamos pra tomarmos café . Estava tudo calmo , até o Justin chega ,fazendo barulho como sempre . 
Justin : Família cheguei - disse gritando - 
O Jake deu um pulo da cadeira e saio correndo pra abraçar o pai , eu com a maior dificuldade cheguei até o Justin . 
 Justin : oi mihas vidas ! Disse pegando o Jake no braço , e mim dando um beijo- como vocês tão ?
Jake : eu to bem papai e voce ?
Justin : eu tava bem ,mais agora to melhor ,até porque to com vocês .
Eu: olha ,eu to bem . quer dizer digamos né, essa gravidez estar mim matando , não to aguentando mais
Justin : calmar amor , agora é so esperar o sinal !
Eu: espero que logo ! Agora vou subir ,a unica coisa que posso fazer mesmo é descansar.

Justin P.O.V
Eu sabia o quanto estava sendo dificil essa gravidez da (seu nome) ,realmente a barriga dela ta muito grade , ela não estar mais aguentando, mais ela já completou 9 meses ,então ja ja a Mel nasci , mais eu realmente não gosto de ve-lá assim , ela desanimada , não podemos nem brincar ,a unica coisa que temos a fazer é deixa-lá descansar . Eu queria ficar so com a (seu nome) , acho que vou levar o Jake pra casa do meu pai ,lá pelo menos tem Jazzy e Jaxon pra ele brincar . Liguei para meu pai e ele concordou ,disse que mais tarde iria pegar o Jake aqui . Subi com Jake pra onde a (seu nome) estava .
Eu: amor - disse entrando no  quarto -
(seu nome) : oi amor ,to aqui na cama  -falou nem um pouco animada -
Eu entrei mais Jake e sentamos na cama , fiquei alguns minutos observando-a e Jake passando a mão na barriga dela
Eu: eu sei que você  não ta guentando mais , sei tambem que não estar se sentindo bem
(seu nome) : não ,eu to bem  sim !
Eu : por isso resolvi pedi para meu pai vim pegar o Jake pra passar uns dias lá ,até a Mel nascer
(seu nome) : eu não quero dar trabalho a ninguem , deixe ele aqui mesmo ,eu dou conta
Eu: não estar dando trabalho , você sabe que nos so queremos seu bem ,eu sei que você dar conta ,mais deixe de ser cabeça dura , so vai ser por pouco tempo !
(seu nome) : mais Juss !
Eu: sem mais , a Kelly já estar arrumando as coisas do Jake .
(seu nome ) : ta bom !


{...}

Meu pai chegou ,e a (seu nome) estava no quarto falando algumas coias para o Jake , eu sei que ela não queria que ele fosse,mais é melhor ,e também é meu pai ,ela sabe muito bem que ele vai cuidar bem do Jake .


**********************************************************
Meninas espero que gostem tá ! Vou corta meu cabelo *-* 
Beijos pra vocês :* 

 Continua 5 comentários




Facebook  : Bella Keila 





quarta-feira, 13 de março de 2013

Catching Feeling Cap. 4


''É tudo tão estranho o que estou sentindo... Só quero que seja verdadeiro''


-que tal um sorvete? –disse sorrindo olhando em meus olhos-

-de chocolate? –perguntei travessa-

-com cobertura extra. –ele afirmou rindo-

-adoro! –disse lhe dando um selinho-

Seguimos até a sorveteria que ficava a dois quarteirões dali, fomos de mãos dadas conversando e brincando. Chegamos lá e escolhemos uma mesa.

-o que vão querer? –disse a garçonete-

-um sorvete de baunilha e um de chocolate com cobertura extra. –disse Justin-

A garçonete anotou nosso pedido e saiu dali. Não demorou muito pra ela voltar com nosso pedido.

-vamos na pracinha? O sol ta se pondo! –perguntei fazendo cara de pidona-

-vamos! -Disse se levantando-

Justin pagou o sorvete e a gente foi ate a pracinha que ficava bem do lado, ficamos sentados na grama em 
frente ao lago vendo sua água alaranjada, era simplesmente perfeito. Ficamos um tempo lá conversando, brincando, e claro que rolou mais beijos.

-isso é muito estranho! –comentei assim que encerramos mais um beijo-

-estranho o que? –disse me encarando-

- a gente melhores amigos desde sempre, nessa pegação toda. –disse e rir pelo nariz-

 - kkk é verdade, fazer o que se até minha melhor amiga não resiste ao meu SWAG! –falou se gabando-

- tava demorando, como uma pessoa pode ser tão convencida assim em? –disse o empurrando de leve-

- eu não sou convencido, sou realista! –disse me empurrando de volta-

-você é bundão Bieber! –falei o empurrando mais forte-

- o que você disse? –ele me encarou-

-isso mesmo que você ouviu! –provoquei-

-você vai ver quem é bundão quando te pegar. –falou se levantando-

Assim que ele falou aquilo eu me levantei e sai  destabacada correndo pela praça rindo feito louca.

-você sabe que eu vou te pegar, sou mais rápido! –disse correndo atrás de mim-

-vamos ver! –disse e corri mais rápido-

É claro que ele é mais rápido, mas eu num vou dar chance pra ele. Apesar de senti as pernas já pedindo pra parar, eu continuei correndo olhei pra trás e vi ele se aproximando, respirei bem fundo e corri mais. De repente sinto ele me pegando pelas pernas e me colocando no ombro, começou a rodar, já estava tonta sentido o sangue vir pra cabeça.

-ME SOLTAAAAA SEU BUNDÃO! –gritei rindo-

-como ousa ainda me chamar de bundão? –falou parando de rodar-

-e isso é o que? –falei dando um tapa na sua bunda-

Rimos e ele me botou no chão, se aproximou de mim e me deu mais um beijo. Estava tudo tão bom passar um tempo com ele sem se preocupar com ex-namorado, sem se preocupar com o amanha, como iríamos nos olhar depois de hoje. Encerramos o beijo por conta do ar, e ele me olhou sorrindo.

-já tá ficando tarde, janta lá em casa? –perguntei com os braços ainda envolvendo seu pescoço-

-ok, mas não posso demorar. Prometi a Dona Pattie que dormiria em casa!

Assenti, lhe abraçando de lado. Voltamos pra casa mexendo um com o outro como sempre, parecíamos dois adolescentes rebeldes, e por isso que eu o amo porque com ele posso ser eu mesmo. 



                                                                   [...]

Justin tinha acabado de sair, me joguei na cama e meus pensamentos começará a mim corroer. E agora, como a gente vai ficar? Ele me beijou, por vontade própria ou por que estava com pena de mim? Nossa amizade vai ficar a mesma de sempre? Nunca passou pela minha cabeça um dia namorar o Justin, sempre o vi como um irmão.

 Mas esse beijo mexeu comigo, muito. Uma mistura de dúvida, com carinho, romantismo, intensidade. Estou confusa tantas perguntas e nenhuma resposta, e eu odeio me senti assim sem ter o que fazer.

 Levantei da cama e segui pra o banheiro precisava de um banho, estou cansada e confusa, me despi e deixei que aquela água me tranquilizasse lavei o cabelo fazendo minha cabeça ficar mais leve. Desliguei o registro e me enrolei em uma toalha, fui enxugando os cabelos até meu closet peguei meu pijama com estampa de vaquinhas que amo usar quando estou frustrada.


Vesti, penteei os cabelos,peguei um pote de sorvete e me joguei debaixo das cobertas ligando a TV, fiquei mudando de canal até encontrar um canal que passava o filme ‘’Querido Jhon’’.  Preciso dizer que me acabo de chorar com esse filme?

                                                                   

                                                                  [...]


Trim, trim. trim, trim

Ouvi aquele maldito despertador avisando que é mais um dia pra seguir em frente, desliguei o mesmo. 
Fui abrindo os olhos devagar e só conseguia ver lenços usados ao meu redor, me espreguicei e fui pra o banheiro, fitei meu rosto no espelho e meus olhos estavam inchados tudo culpa daquele filme. 
fiz um coque no cabelo, me despi e entrei debaixo do chuveiro ainda sonolenta. 
Minha cabeça doe, isso porque fui dormir tarde, já vi que vai ser um dia longo.

Terminei meu banho e peguei uma roupa:




O dia estava frio, perfeito pra ficar o dia inteiro debaixo da coberta tomando um chocolate quente e assistindo filmes deprimentes. Mas não, Ér mais um dia estressante naquela loja de ferramentas, com caras metidos a gostosões dando em cima de mim, como odeio isso.

 Bom, respirei fundo terminado minha trança e fui pra cozinha, peguei o cereal no armário o leite na geladeira e despejei tudo em uma tigela me sentando em cima do balcão de mármore.

Olhei em meio aquele apartamento vazio com as pernas balançando. Sabe é legal morar sozinho você tem privacidade, pode fazer o que te der na telhar, chegar no seu horário, mas é chato quando você chega em casa não tem a comida prontinha a sua espera não tem com quem conversar, pirraçar e logo eu que não consigo ver ninguém quieto. Sabe o que é isso? Saudades da mãe, faz tempo que não a vejo, preciso fazer uma visitinha a ela.

Bem, desci de cima do balcão e coloquei a tigela na pia. Fui no banheiro escovei os dentes, passei uma maquiagem pra disfarçar os olhos inchados e as orelhas, peguei minha bolsa, chaves tranquei tudo e desci.



-Bom dia Sr. Jhonson! –disse sorridente lhe dando um beijo na bochecha-

-Bom dia Lizz! –sorriu- como você está? –perguntou meio preocupado, sobre o barraco que Pedro fez ontem-

- vou ficar bem, como sempre fico! –sorrir triste- mas bem vou indo nessa, não quero me atrasar. –disse apresada, para ele não começar me encher de perguntas-

-bom trabalho! –disse gentio-

-obrigado, o Sr. Também! –sorrir-
 
                                                                              
                                                                                 [...]

#14:30 p.m#

Cá esta eu atrás desse balcão atendendo um cliente, quando meu celular começou a tocar. Atendi sem nem ver quem era.

                                                          *Ligação ON*

- Alô, quem fala?  -atendi empacotando as compras-

- Lizz vadia, é a Cait! –disse animada-

-Oii vaca, o que temos pra hoje?  -perguntei entregando as compras pra o cliente- Obrigado –sussurrei quando peguei o dinheiro-

- meus pais vão dar umas daquelas festas de gala pra os empresários da empresa, e toda aquela chatice. E eu quero você aqui as 22:00 p.m, já que amanha é feriado e você não vai trabalhar.

-Tá vou pensar! –disse sentando no banquinho-

-você não vai pensar nada, você vai vim ou eu vou te pegar pelos cabelos! – disse daquele jeito espevitada-

- ok, ok! –confirmei revirando os olhos-

-certo, te vejo a noite!

- Bye, Bitch! -desliguei-

                                               *Ligação OFF*


                                               

                                                           ***

Continua com 10 comentários

Hello mesninas! Bom apesar de não ter a quantidade de comentários que eu pedi, eu fui boazinha em postar né!? Mas aviso que agora só vou postar o proximo quando der 10 comentários. Preciso saber se vocês estão gostando mesmo ou não!

Bem eu estou pensando em 2° temporada, o que acham? de a opinião de vocês por favor!


Face ~~> Beek Oliveira
Twitter ~~> W_Beek1
Ask ~~> WBeek1  

BieberKiss!

By: Beek

domingo, 10 de março de 2013





ATENÇÃO!!


Várias beliebers/boy estavam falando de criar um "Dia Internacional das Beliebers" então 

chegamos a um acordo que esse dia deverá ser 19/01 que foi a data do primeiro post do 

Kidrauhl no youtube, avisem a todos!!! DIA 19/01 DIA INTERNACIONAL DAS BELIEBERS!! 


#Repassem *u*






by: Beek


I Need You - ( 37° Cap) " Cadelinha "


POV. Megan Julie

Ok, Justin só pode estar tirando onda com a minha cara...

Mas já que ela ta aqui, vou fazer do pouco tempo que ela ficar aqui um inferno...

- Olá querida -disse e peguei na sua pata, sorri falsa.

- Você deve ser a Megan, não?

- Sim..

- Então quantos dias pretende ficar aqui? -perguntei.

- Irei morar aqui... -disse ela e sorrio.

Juro que tive vontade de quebrar a cara dela.

- Awn que ótimo! -sorri falsa.

- Megan, posso falar com você um instante.

- Claro Justin!

[...]

- A Camila é irmã do cara que estou fazendo negócios no Brasil, então por favor não apronte nada com ela, ou então eu quebro a sua cara.

- Não se preocupe Justin, não vou fazer nada com sua cadelinha.

[...]

Justin é um vagabundo mesmo, não sei por que voltei pra ele, caralho ele ta agora gemendo com aquela vadia desgraçada, na sala, tipo, oi? como pode isso, não tem mais respeito pelas pessoas, eu tava com tanta raiva, e ao mesmo tempo meu coração dói, eu não aguento mais isso, e o pior é que estou gravida deste cafajeste, como vou dizer isso a ele?

Talvez não devesse dizer a ele que estou gravida, acho que devo ir embora e deixa-lo, maldita hora que voltei para esse infeliz. 

[...]

Já eram 3:00 da manhã, não conseguia dormir por causa dos risos da piranha e do vagabundo do Justin.

Tomei um calmante, para que não descesse até lá embaixo e arrancasse pena por pena daquela galinha...

[...]

Acordei e já passavam das 11:00 da manhã, tomei um banho e me vesti:

                               (sem a bolsa)

Desci e para minha felicidade não vi a cara nem de Justin e nem da piranha da Camila... 

- Megan quer tomar café da manhã querida? -perguntou Keila 

- Oh, não obrigada estou sem fome...

- Ok querida, ma quando tiver fome, não deixe de me procurar!

- Ta bom. -disse e sorri.

Precisava sentir um ar na rosto, então fui para fora, onde havia a piscina, e imagina quem estava lá... sim Justin e Cadelinha. 

Eles riam de se acabar, e isso me fazia ficar com ódio. 

- Olá, casalzinho! -disse chegando perto.

- Há, não querida, nós só somos amigos... 

Me deu uma vontade de rir tão grande, Justin nunca era migo de ninguém, tirando o Chaz, Ryan e Christian né...

- Ah é mesmo, mas não me parecia isso, a uns dias atrás quando eu liguei pro Justin e ouvi sua voz... 

- Então era você? -perguntou ela.

- Não, era a puta que te pariu. 

- Olha aqui sua vadia me respeita. 

- Eu não respeito cadelinhas, e vadia é você.

- Megan! -Justin me chamou.

- Que é? -disse rude.

- Já pra dentro. 

- Eu não vou.

- Eu tô mandando você ir caralho, me obedeça.

- Bieber querido eu não sou sua cachorrinha pra você dar ordens em mim e eu te obedecer, saindo feito uma cachorra. 

- Megan cala a porra da tua boca, você já esta me estressando.

- Hum, bom saber e você vai fazer o que me bater? Pois não ligo, só espero que você saiba que está sera  a ultima vez que você fará isso.

- Eu não vou precisar te bater se você sair daqui. 

- Há, não se preocupe eu vou sair tenho que resolver uma coisa, continuem a festinha. 

[...]

Entrei em meu quarto e só faltei desabar de tanto chorar, sei que estou sendo fraca por estar chorando por esse idiota que nem se importa comigo, fingiu me amar só pra foder comigo... e agora ta mostrando sua verdadeira face novamente. 

Mas quer saber quero que ele se foda, e que a Cadelinha vá junto com ele... 

Me recompus e comecei a fazer minhas malas, eu ira embora hoje a noite escondida, já que ele não deixaria que eu fosse.

Eu não nasci pra ser mandada, ah não mesmo.

[...]

Quando terminei de arrumar as malas, me deitei um pouco na cama por estar um pouco tonta...

- Megan? 

- Quem é? -perguntei.

- Bryan 

Oh céus, eu estava morrendo de saudades do Bry... fui correndo abrir a porta, e logo quando o avistei me joguei em seus braços.

- Wow! 

- Ah Bryan que saudades de ti.

- Também pequena.

- Entra... 

Bryan entrou e foi logo se deitando em minha cama.

- Folgado!

- Então o Chaz me contou o que aconteceu com você.

- Mais que fofoqueiro, eu disse que não era pra ele contar a ninguém que estou grávida.

- Gravida? -perguntou Bryan pasmo.

Oh droga o que eu fiz, pela cara dele não foi isso que o Chaz contou.

Taquepariu!

- Quem ta gravida? 

- Você acabou de dizer que ta gravida.

- Ta bom, é verdade eu estou mesmo.

- Caralho Megan eu não acredito. O Bieber sempre usa camisinha.

- Justin não usa camisinha comigo.

- E como ele ficou quando soube?

- Bem ele não sabe ainda, e nem vai saber... eu vou embora desta casa hoje a noite. 

- Não acredito Megan, você ta maluca? 

- Maluca o caralho, ele acabou de voltar de viajem e trouxe a Cadelinha não precisa mais da vadia aqui, a não ser para saco de pancada, mas ele não vai encostar um dedo em mim.

- Oh Megan, isso tudo é uma droga!

- Pode crê!

- Você ta tão calma com isso.

- Fazer o que, só não vou morrer por causa de macho a unica coisa que me interessa agora é meu filho e mais nada.

- Você só tem 16 anos e já vai ter um filho, como pretende se manter?

- Bem, casa eu tenho, e tenho uma boa contia de dinheiro que minha mãe deixou pra mim, posso sobreviver, e vou arranjar um trabalho ok?

- Megan, mas quando essa criança nascer como vai ser sua vida?

- Minha vida vai ser uma vida normal, e você esta me fazendo mal com essas perguntas.

- Desculpe, eu só estou preocupado. 

- Tudo bem... 

- Eu irei te ajudar...

- Eu não preciso de ajuda.

- Problema seu, eu vou ajudar!

[...]

Estava na cozinha, quando a Cadelinha chegou.

- Oi queridinha. 

Calada tava, clada fiquei. 

- Eu e o Justin vamos a Sexy Bitch, não quer ir com a gente, que sabe você arranja um macho lá e cai fora da nossas vidas. 

Continuei calada. 

- Já que você não quer ir, tchauzinho. 

- Ei? -a chamei.

Ela se virou pra mim e então eu disse.

- Limpa aqui, o veneno ta escorrendo, sua cobra. -disse apontando para o canto da boca.

Ela saio rebolando, o cadelinha siliconada. 

Acabei de tomar meu suco, e fui para o meu quarto... vi o carro de Justin saindo e percebi que estava quase na hora de partir.

[...]

Tomei um banho e me vesti:

    


Quando deu exatamente 00:00 peguei minhas duas malas e joguei pela janela. 

E logo depois me joguei também, o tombo foi um pouco dolorido mas nem tanto, apenas senti um dorzinha.

Olhei para todas os lados para ver se havia algum segurança. 

Quando vi que estava tudo tranquilo sai correndo até a garagem. 

Peguei uma das chaves que havia no chaveiro, nela havia o nome de um dos carros.: Lamborghini Gallardo


- Bebê agora você tem uma nova dona. 

Coloquei minhas malas dentro do carro, e entrei, havia um boné no banco do lado, coloquei, isso me ajudaria um pouco com os seguranças...

Liguei o carro e sai da garagem, dirigi normalmente até a entrada principal, os vidros do carro eram escuros então não dava para eles me verem, parei o carro na entrada e esperei que eles abrissem.

Eles ficaram meio desconfiados mas abriram o portão, passei tranquilamente, e então eu estava livre. 

*********************************************

Continua...

15 comentários para continuar!

Heyyyyyyyyyyyyyyyyyyy, gatas da laje ú.ú amei os comentários divos de vocês...  vou até fazer uma sopa pa nois. kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk ok chega disso.


Respondendo comentários:

Anony: kkkkkkkkkkkkkk tá com raiva do Jus, cê num viu nada ainda amiga. bjs

Andy Rodrigues: Continuei liendan!

Anony: Continuei...

Só mais uma belieber tentando viver o seu sonho: Continuei.

Anony: Awn sua liendan continuei!

Jú: Continuei gata da laje.

Alice Fontes (Beyoncé): Dnd gata da laje, kkkkkk dê na cara dela então. Continuei ú.ú

Kelly Rhangel: Kibom, eu também odeio aborto, foi só pra dar um draminha kkkkkkkkkk

Anony: Flw!

Géssica Larissa: Continuei linda!

Anony: Continuei...

Julia Deriva: Continuei fofis.... ^^

Anony: Continuei...

Eclainny: Kibom, continuei amore.

Beatriz Lima: Awn sério? obg.

Isadora: kkk' ele é sim... continuei e obg :)
Respondendo tua pergunta: Não eu nunca li Life Of Thug, mas já li My Favorite Thug, é uma fanfic da minha amiga e é criminal tbm. A maioria das fics criminais são parecidas mesmo, normal.

Mylena Mateus:  Obg kkkkkkkkkkkkk sua vadia.... te amuh 

Maria Nicolly: Continuei...

Duda Schaefer:  kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk ri muito do teu comentário....

#QueenyBieber: Calma, kibom que ta gostando....

Giovanna Comim Guerzoni: Continuei amor!

Ana Carolina Maracaipe: Opa continuei...

Anony: Continuei... :) awn obg sua linda